Welter Mesquita Vaz. Tecnologia do Blogger.

Grupo Itaperimim assume controle acionário da Passaredo


Ter 3/7/2017 - Atualizado 4/7 13:08h - A Passaredo Linhas Aéreas anunciou que o Grupo Itapemirim, de Sidnei Piva e Camila Valdívia, irá assumir o controle acionário total da companhia aérea, que tem a cidade de Ribeirão Preto (SP) como seu hub. O valor da negociação não foi divulgado.

Com mais de 60 anos no transporte rodoviário, o conglomerado fundado por Camilo Cola irá alinhar com a Passaredo a estratégia de integração intermodal e, a partir daí, investir na melhoria no atendimento a mercados regionais de pequeno e médio porte com ligações a grandes centros.

O Grupo Itapemirim pretende crescer no transporte de passageiros e de cargas, embora não tenha detalhado inicialmente as projeções. Até o final de 2018, deve incorporar mais 20 aeronaves à frota e alcançar até 80 destinos no interior do Brasil. Já a integração entre malha aérea e terrestre deve penetrar 2,5 mil cidades brasileiras.

Além de trabalharem com ônibus, as empresas têm uma segunda semelhança: estão em recuperação judicial. O Itapemirim foi vendido no início deste ano aos empresários Piva e Camila, que acumularam a empresa e uma dívida de mais de R$ 330 milhões. Já a Passaredo pediu auxílio à justiça em 2012 e estimava sair dessa situação no ano passado, o que não aconteceu.

Mesmo com a mudança, os acordos de codeshare e interline da Passaredo permanecem inalterados até o momento.

A conclusão do negócio aguarda o cumprimento de condições suspensivas em até 60 dias. Neste período, a gestão da Passaredo será realizada de forma compartilhada, com Sidnei Piva sendo o responsável pelo comando executivo da empresa.

Voos em Vitória

A Itapemirim Linhas Aéreas pretende lançar voos em Vitória, capital que é atendida pelas companhias Azul, Gol e LATAM. A Passaredo usa em sua frota seis aviões ATR-72, com 70 assentos. Essa aeronave turboélice pode pousar em pistas menores. Com isso as cidades de Cacheiro do Itapemirim, São Mateus e Linhares poderão receber voos.

Um dos desafios do novo grupo é consolidar o processo de recuperação judicial da Passaredo. Atualmente a companhia está com apenas seis aeronaves, mas chegou a ter uma frota de 13 aeronaves. A companhia foi obrigada a deixar algumas cidades por falta de aeronaves, entre elas Uberlândia e Uberaba, no Triângulo Mineiro.

Entre as cidades importantes atendidas pela companhia estão Belo Horizonte (Pampulha), Rio de Janeiro (Santos Dumont), Brasília, Goiânia, Palmas, Ribeirão Preto, Guarulhos, Salvador, Vitória da Conquista, Curitiba e Cascavel.


Compartilhar no Google Plus

Sobre Alexandre Marques

Notícias, radar e escuta ao vivo, matérias e cobertura de eventos aeronáuticos.
    Comentar - Blogger
    Comentar - Facebook

0 comentários:

Postar um comentário