Welter Mesquita Vaz. Tecnologia do Blogger.

Gol define novas regras para cobrança de bagagem

 

A aérea Gol definiu novas regras para cobrança de bagagem. De acordo com comunicado da empresa, a partir do dia 14 de março, clientes que não forem despachar bagagens comprarão passagens mais baratas.

Ao mesmo tempo, aqueles que quiserem despachar no momento do check-in deverão pagar uma franquia, cobrada por unidade, seguindo dimensões e peso pré-estipulados.

É a primeira aérea a adotar cobrança de bagagem separadamente desde que a Anac anunciou a liberação dessa prática diminuindo a exigência mínima de franquia de 5 para 10 kg. As regras novas da Agência também passam a valer em 14 de março.

Os valores da unidade, de acordo com a Gol, ainda serão definidos. Mas sabe-se que eles irão crescer de acordo com quantidade de malas. "A primeira será mais barata que a segunda, que será mais barata do que a terceira. E assim por diante", escreveu a companhia.

O serviço de franquia de bagagens poderá ser adquirido em todos os canais de atendimento da Gol (app, site, totem, central de atendimento, balcão), que pretende "estimular o autoatendimento e contratação prévia com preços especiais".

Haverá ainda uma central de atendimento disponibilizada exclusivamente para esclarecer as dúvidas referentes ao novo formato de cobrança.

Clientes Smiles das categorias mais altas e clientes Gol Premium terão "condições diferenciadas", disse a Gol, assim como aqueles que optarem por outras classes de tarifas que já incluirão a bagagem.

Na mesma nota, a Gol disse entender que "a medida que permite a franquia de bagagens aproximará o país dos padrões adotados na aviação mundial".


Compartilhar no Google Plus

Sobre Alexandre Marques

Notícias, radar e escuta ao vivo, matérias e cobertura de eventos aeronáuticos.
    Comentar - Blogger
    Comentar - Facebook

0 comentários:

Postar um comentário