Welter Mesquita Vaz. Tecnologia do Blogger.

Ator John Travolta doa seu Boeing 707 para museu na Austrália


Seg 29/5/2017 - O ator de Hollywood John Travolta anunciou no sábado (27) que está pendurando seu uniforme de comandante da Qantas e doando seu Boeing 707-138B pessoal matrícula N707JT para um museu australiano, que o restaurará. Travolta disse que planeja entregar pessoalmente o Boeing para a Sociedade de Restauração de Aeronaves Históricas (HARS) em Illawara, Novo Gales do Sul após alguma manutenção na aeronave.

Travolta discutiu a possibilidade de enviar o avião para o museu em 2009, quando foi convidado a pilotar o Super Constellation da HARS. Ele decidiu se despedir do jato este ano e o museu estava feliz em receber ele das mãos do ator. Ainda não existe uma data definida para entrega da aeronave ao museu.
O Boeing 707 visto na propriedade de John Travolta na California

“Estou realmente animado com este projeto e estou tão satisfeito que esta bela aeronave, para a qual obviamente tenho memórias muito carinhosas, continuará a voar bem no futuro”, disse Travolta em um comunicado, que pode ser lido a seguir na íntegra:
É com grande prazer que farei este emocionante anúncio histórico de que meu amado avião Boeing 707 foi doado para a sociedade Historical Aircraft Restoration (HARS), baseada na cidade de Albion Park, a aproximadamente 140 km ao sul da cidade de Sydney na Austrália.

Como muitos de vocês saberão, voar é uma paixão minha e eu sou tão grato por ter a sorte de contar muitas horas voando um avião tão bonito.

A aeronave foi originalmente entregue à Qantas Airways em 1964 e foi convertida para uso privado depois que terminou sua vida com “The Flying Kangaroo”.

Fiquei honrado por ter o 707 repintado nas cores originais da Qantas quando me tornei o embaixador da companhia aérea, e é tão apropriado que muitos dos voluntários da HARS são funcionários aposentados da Qantas.

A aeronave atualmente exige muito trabalho para ser restaurado para um estado de vôo seguro e tendo visto em primeira mão a dedicação ea paixão das pessoas em HARS, não tenho dúvidas de que este belo e histórico avião estará voando novamente.

HARS tem um histórico impressionante de restaurar aeronaves históricas e eu pessoalmente voei em um Super Constellation que eles haviam restaurado para voar e anteriormente não havia condição alguma de voo antes da restauração.

Estou esperando para ser parte da tripulação para voar o avião para a Austrália, apoiado por pilotos bem qualificados e experientes e engenheiros.

Ao fazer este anúncio, gostaria de mencionar o apoio significativo dado pelo Bendigo Bank Oak Flats e pela Shellharbour Community Bank Branches que, como organização local, apoiaram muito os esforços da HARS em restauração de aeronaves.

Agradecimentos também devem ir para QBE Seguros (Austrália) Limited Services para o seu apoio significativo também.

Estou realmente animado por este projecto e estou tão satisfeito que este belo avião, para o qual eu obviamente tenho memórias muito afeiçoadas, continuará a voar bem no futuro.

Obrigado, John Travolta.
Travolta comprou o antigo avião em 1998, alguns anos depois de ele ter fretado o quadrireator para uma viagem rápida para a Europa. O Boeing 707-138B foi entregue originalmente a Qantas em 1964, e é uma das 13 versões encurtadas, de longo alcance do venerável projeto 707.


Na Qantas como VH-EBM e batizado com o nome da cidade de Launceston, o 707 permaneceu com a linha aérea até 1968. Depois, após um breve período com a companhia aérea Braniff, o 707 foi convertido em um jato executivo em 1973 e antes de ser adquirido em 1998 por Travolta, foi propriedade de Frank Sinatra e do bilionário Kirk Kirkorian. Travolta operou ele mesmo com o 707 por alguns anos antes de chegar a um acordo com a Qantas para pintá-lo nas cores históricas e voar como um embaixador para a companhia aérea australiana em troca de manutenção.

Mesmo sendo uma estrela do cinema, e apaixonado por aviação, não poderia arcar com os custos de manutenção do sedento jato. “Qualquer avião desse tamanho é muito caro”, disse Travolta aos australianos na época. “Eu o fiz por quatro anos sozinho e era muito mais fácil fazer um sistema de troca e promover a companhia aérea.”

Travolta ainda possui um Gulfstream GII, um Eclipse, um jato iugoslavo Soko e um par de ultraleves.

Compartilhar no Google Plus

Sobre Alexandre Marques

Notícias, radar e escuta ao vivo, matérias e cobertura de eventos aeronáuticos.
    Comentar - Blogger
    Comentar - Facebook

0 comentários:

Postar um comentário