Welter Mesquita Vaz. Tecnologia do Blogger.

Jato de negócios com cabine mais alta do mercado faz seu primeiro voo


Ter 11/7/2017 - O novo Falcon 5X da Dassault Falcon Jet acaba de realizar seu primeiro voo decolando da unidade de montagem final de Bordeaux-Merignac, na França. Foram duas horas de voo em que o primeiro protótipo utilizou uma versão preliminar dos motores Safran Silvercrest. Segundo o fabricante, o objetivo dessa campanha de teste é simplificar o processo de desenvolvimento. Os testes de validação e certificação de voo serão realizados no próximo ano, quando a Safran entregará os motores certificados, atendendo às especificações da Dassault. A expectativa é a de que o 5X entre em serviço em 2020.

Com alcance de quase 10.000 km (5.200 milhas náuticas), o Falcon 5X apresenta a maior cabine de sua categoria (capaz de suplantar até competidores ultralongo alcance) com 1,98 m de altura e 2,18 m de largura. São 50 metros cúbicos de cabine, sem considerar bagageiro e cockpit. Tem até uma inédita claraboia com sistema eletrônico de escurecimento. “A cabine do Falcon 5X será a mais alta e a mais ampla da indústria”, garante Eric Trappier, presidente e CEO da Dassault Aviation. “Mesmo assim, a aeronave terá uma capacidade de pouso a uma velocidade de uma aeronave turbo-hélice e ainda um consumo de combustível menor do que qualquer outro jato executivo de sua classe”.

O desempenho do Falcon 5X permitirá ao novo jato operar na maioria dos aeroportos existentes. Com uma velocidade de aproximação de apenas 105 nós, faixa próxima de muitos turbo-hélices, o novo modelo da Dassault possui uma performance praticamente única entre todos os aviões de cabine larga do mercado.

O projeto conta com um novo desenho de asa, com perfil ultraeficiente e sistema de controle de voo digital, similar ao existente nos caças Rafale, assim como uma suíte de aviônicos EASy, no estado da arte. A Dassault sempre se destacou no meio aeronáutico por seus projetos aerodinâmicos, em especial os de asa, que contribuem para melhorar não só o desempenho dos aviões como, também, as características de voo, além de reduzir o consumo de combustível. Entre os destaques das asas do 5X está o novo projeto de perfil supercrítico. Com 33 graus de bordo de ataque, curvatura mais acentuada do bordo de fuga e winglets incorporados ao desenho das asas, o novo desenho tornou a superfície alar mais eficiente. O resultado é uma maior relação entre sustentação e arrasto do que a encontrada em qualquer outro Falcon, o que é um dos trunfos para melhorar a eficiência e a performance.

Os motores Snecma Silvercrest prometem oferecer um consumo até 15% menor, em relação aos atuais motores que equipam versões similares no mercado.


Compartilhar no Google Plus

Sobre Alexandre Marques

Notícias, radar e escuta ao vivo, matérias e cobertura de eventos aeronáuticos.
    Comentar - Blogger
    Comentar - Facebook

0 comentários:

Postar um comentário