Welter Mesquita Vaz. Tecnologia do Blogger.

Anac suspende licença de vereador de BH e interdita helicóptero após prisão


A Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) suspendeu a licença de piloto do vereador Rubens Gonçalves de Brito (PSDB), o Bim da Ambulância, que foi preso na última sexta-feira depois de pousar um helicóptero na Praia da Bacutia, em Guarapari. A aeronave, matrícula PP-FEE, foi interditada cautelarmente. As medidas fazem parte de um processo administrativo aberto pelo órgão para apurar o ocorrido.

De acordo com a Anac, “as medidas foram aplicadas de maneira cautelar para que todos os fatos da ocorrência sejam esclarecidos”. “O dono do helicóptero e o piloto serão convocados para prestar esclarecimentos à ANAC. Ao final do processo de apuração, operador e piloto poderão sofrer sanções administrativas e, de acordo com avaliação do caso, suspensão das habilitações dos envolvidos. O caso também poderá ser enviado ao Ministério Público e à Polícia Federal para que sejam tomadas medidas no âmbito criminal”, afirmou no documento.

A prisão do vereador aconteceu na manhã de sexta-feira, por volta das 10h, pouco depois do pouso da aeronave. No helicóptero, estavam, além do piloto, o parlamentar e outra pessoa. Pouco depois da descida, alguns banhistas acionaram a Polícia Militar (PM). Em seguida, os delegados das Delegacias de Crimes Contra o Patrimônio e de Infrações e Outras, Marcos Luiz Nery e Diego Barcelos, foram para o local e constataram a irregularidade.

O vereador foi autuado pelo artigo 132 (Expor a vida ou a saúde de outrem a perigo) e artigo 261 (Expor a perigo embarcação ou aeronave, própria ou alheia). Se condenado, ele pode pegar de três a seis anos e meio de prisão. A aeronave, que foi alugada, foi levada para o Aeroporto de Guarapari onde vai ficar apreendida. No sábado, a Justiça mandou soltar o vereador.

Do céu ao inferno

Nesse domingo, o parlamentar comentou o ocorrido e pediu desculpas para os mineiros e capixabas. “Não fiz nada que ninguém nunca viu. Artistas, celebridades e jogadores fazem isso, mas tenho um título de vereador, e talvez por isso tomou essa proporção. Mas não faço esse tipo de pouso nunca mais. Foi um transtorno muito grande que me causou”, afirmou o vereador de Belo Horizonte. “Tinha planejado um passeio com minha mulher e filhas que estavam na praia. Como eu ia colocar alguém em risco se elas estavam na praia?”, argumentou o tucano.

Compartilhar no Google Plus

Sobre Alexandre Marques

Notícias, radar e escuta ao vivo, matérias e cobertura de eventos aeronáuticos.
    Comentar - Blogger
    Comentar - Facebook

0 comentários:

Postar um comentário