Welter Mesquita Vaz. Tecnologia do Blogger.

United e Delta devem aposentar seus Boeing 747 no quarto semestre de 2017


A United Continental está se unindo à rival Delta Air Lines ao aposentar o icônico jumbo Boeing 747, aeronave conhecida como "rainha dos céus", neste ano. Por essa razão, muitos fãs da aviação estão pensando em fazer uma viagem ou duas para sentir pela última vez a sensação de voar em um 747 operado por empresas americanas.

A United, que tem sede em Chicago, operou o 747 pela primeira vez em 1970, no mesmo ano da Pan Am, que foi a primeira a utilizar esse avião gigante. Embaixador aéreo da riqueza, do poder e do domínio comercial global dos EUA, o avião rapidamente virou ícone cultural -- especialmente depois que se transformou no Air Force One.

"É um marco agridoce --esse jato jumbo, com sua inconfundível silhueta, antes representava o estado da arte das viagens aéreas", afirmou a United, em comunicado. "Hoje há aeronaves de fuselagem larga mais confiáveis e com maior eficiência de combustível e de custo que oferecem uma experiência de voo atualizada aos nossos clientes de voos de longo distância."

Atualmente, a United está utilizando o avião principalmente em rotas transpacíficas. A maioria de seus 20 exemplares do 747 tem base no hub de São Francisco e a partir de lá atendem Pequim, Hong Kong, Xangai, Seul, Taipé e Tóquio. A empresa também opera o 747 entre São Francisco e Frankfurt.

No verão americano, quando as viagens de férias aumentam, a aérea planeja usar o jato para um ou dois voos diários São Francisco-Londres sem escala. Mas a United afirma que o 747 possui a menor pontuação por passageiro de sua frota. Este ano, segundo a aérea, será o último deste avião de quatro motores e fuselagem saliente.

A Delta, por sua vez, está reduzindo rapidamente o serviço do último de seus cinco aviões 747, que são empregados a partir de seu hub de Detroit, nos EUA, com destino a Seul, Xangai e Tóquio. Quando sua frota era maior, a Delta, que tem sede em Atlanta, nos EUA, utilizava o avião nas rotas Detroit-Pequim e também voava para Tel Aviv e Tóquio a partir de Nova York.

Nenhuma das empresas aéreas revelou quando exatamente será seu último voo com um 747. A Delta tem voos com o 747 programados até o fim de novembro; a United informou que seu último voo com o 747 ocorreria no quarto trimestre. Mas o fim está próximo.

A United Parcel Service ainda opera o cargueiro 747-400 e vai comprar pelo menos 14 unidades do 747-8 mais recente, mas não permitirá que você se junte aos pilotos para um passeio.

Compartilhar no Google Plus

Sobre Alexandre Marques

Notícias, radar e escuta ao vivo, matérias e cobertura de eventos aeronáuticos.
    Comentar - Blogger
    Comentar - Facebook

0 comentários:

Postar um comentário