Welter Mesquita Vaz. Tecnologia do Blogger.

Queda de avião mata piloto e deixa empresário ferido no Pantanal



Qui 20/7/2017 - Atualizado 24/7 12:02h - A Força Aérea Brasileira (FAB) confirmou acidente envolvendo um avião monomotor modelo SR-20 Cirrus  matricula PR-PRF, em Poconé, 104 km de Cuiabá, na manhã desta quinta-feira (20). O piloto Márcio Molas Martins, 33, morreu e o empresário Diógenes Toesca de Aquino, 57, que era passageiro na aeronave segue internado em estado grave no Hospital Regional de Rondonópolis (218 km ao sul de Cuiabá).
Divulgação

Segundo a assessoria da FAB, o Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos da FAB (Cenipa), informou que após a decolagem o piloto fez contato com outro monomotor de matrícula PR-MRD. Relatou uma emergência na decolagem e caiu minutos depois do procedimento.

O Cenipa informou que o avião não tinha plano de voo, mas informações dão conta de que ele decolou da Fazenda Santa Edwiges, em Poconé, com destino à Fazenda Santa Mônica, em Barão de Melgaço (121 km de Cuiabá). A queda ocorreu às 7h09 (horário local).

O piloto que recebeu o pedido de socorro de Martins informou sobre o acidente ao Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) que por sua vez socorreu as vítimas e as encaminhou para o Aeroporto Municipal de Rondonópolis, a 218 km de Cuiabá. Entretanto, Martins morreu ao dar entrada no Hospital enquanto o Aquino passou por cirurgia e segue internado.

Uma equipe do Serviço Regional de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Seripa-6), responsável pela área, deve chegar nesta sexta-feira (21) a Poconé para dar início às investigações para identificar as causas do acidente.

Empresário morre no hospital dois dias depois do acidente

O empresário sul-mato-grossense Diógenes Toesca de Aquino, 57 anos, morreu ontem no hospital (23/7), dois dias depois de sofrer acidente aéreo no Pantanal Mato-Grossense.

Aquino estava internado no Hospital Regional de Rondonópolis desde o dia do acidente. Ele teve politraumatismo, passou por cirurgia, mas não resistiu aos ferimentos e morreu na unidade de saúde, segundo informações divulgadas pela família.

Diógenes era sócio da empresa Ciarama, de Ponta Porã, e seria o dono do avião. Corpo foi trasladado para Ponta Porã.

Compartilhar no Google Plus

Sobre Alexandre Marques

Notícias, radar e escuta ao vivo, matérias e cobertura de eventos aeronáuticos.
    Comentar - Blogger
    Comentar - Facebook

0 comentários:

Postar um comentário